FIETO

Em defesa dos interesses da indústria tocantinense

Palmas, 30 de maio de 2024 15:52

 

Presidente

“Quadriênios - 2009 a 2012 / 2012 a 2016 / 2016 a 2020 / 2020 a 2024 / 2024 a 2028”

Roberto Pires

Saiba mais

Notícia

Ela Faz Indústria mobiliza empresárias de Araguaína

09/05/2024 - 06h11
 
 

 Nova edição do projeto atraiu um grande número de mulheres de negócios.

Ao fazer o lançamento do projeto nessa quarta-feira, 8/5, a empresária e conselheira da Federação das Indústrias do Estado do Tocantins (FIETO) Maria Elieth Lobo agradeceu em nome do presidente Roberto Pires a Confederação Nacional da Indústria (CNI) e o Sebrae, entidades parceiras, por compartilharem seus esforços e experiências para a valorização da liderança feminina, e destacou que a FIETO acredita no potencial da mulher e investe para que essa presença seja cada vez maior nas empresas. “A indústria do Tocantins merece ter uma representatividade superior aos atuais 25% de mulheres em posição de liderança”, afirmou a empresária.

Idealizado pela FIETO para fortalecer e incentivar o protagonismo feminino à frente das indústrias tocantinenses, o projeto apoiará 25 empresárias de Araguaína com capacitações que vão acontecer de 12 a 14 de junho. Serão mais de 25 horas de atendimento com foco em temas como vendas e geração de receita, gestão e liderança, planejamento estratégico, recrutamento e seleção, modelagem do negócio, solução de problemas, comunicação, criatividade e inovação, produtividade, gestão do tempo e conexão com o colaborador.

Para participar da 4ª edição do Ela Faz Indústria é necessário ser proprietária, sócia ou administradora de empresa com atividade industrial e  preencher ficha de inscrição online no link https://forms.office.com/r/esM9Q9VrkK. Esta nova edição do projeto será realizada por meio do Programa de Apoio à Competitividade das Micro e Pequenas Indústrias (PROCOMPI) com subsídio de 75% do custo, uma parceria entre a CNI e o Sebrae para alavancar o desenvolvimento das indústrias tocantinenses de pequeno porte, tornando-as mais competitivas.

“Nós estamos com uma expectativa muito boa com o Ela Faz Indústria, pois acreditamos que a força do empreendedorismo feminino tem capacidade de gerar crescimento para a economia como um todo. E o nosso desejo é nacionalizar o projeto e levar para outros estados do Brasil”, disse Suzana Peixoto, representante da Confederação Nacional da Indústria (CNI) e coordenadora do Procompi.   

Para Valéria Coimbra, coordenadora do projeto na FIETO, a expectativa é poder desenvolver e potencializar as lideranças femininas de Araguaína, o segundo maior polo industrial do Tocantins, para que elas possam desempenhar melhor o seu papel como empreendedora.

Convidada a falar de sua experiência às empresárias presentes no lançamento da nova edição do Ela Faz Indústria, a empresária palmense Adriana Prado, que já participou de duas edições do projeto, destacou que para ela foi uma virada de chave. “ Me economizou retrabalho, investimentos e agregou muito ao meu negócio. Se pudesse eu faria outras vezes”, declarou.  

Olga Miranda, empresária de Araguaína do segmento de confecções, destacou que o projeto foi um marco em sua vida. “Além de uma grande visibilidade e elevar minha alto-estima como mulher adquirir conhecimentos que antes eu não tinha. Por isso, estou aqui novamente para aproveitar essa nova oportunidade”, afirmou.

Por Júnior Veras

Foto: Júnior Veras

Assessoria de Imprensa FIETO (63) 3229-5775

 

 

 


 
 
 
ACSE 1 Rua de Pedestre SE 03 LOTE 34-A Edifício Armando Monteiro Neto Plano Diretor Sul - Palmas-TO CEP: 77020-016